fbpx

Quais são as melhores plataformas para criar uma loja virtual (2022)

Lista com as melhores ferramentas para criar uma loja virtual em 2022.
mark-konig-Tl8mDaue_II-unsplash
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit

Mais de 1,5 bilhão de pessoas já compraram pela internet ao menos uma vez na vida, segundo dados do relatório Webshoppers da E-bit. Esse movimento só cresce a cada ano, o que evidencia a importância de ter uma loja virtual e estar presente na internet.

Porém, com tantas opções de plataformas para criar uma loja virtual, como saber qual é a melhor para você?

Neste artigo, vamos apresentar as melhores plataformas para criar uma loja virtual e destacar as vantagens e desvantagens de cada uma. Além disso, para você que ainda está na dúvida de qual plataforma utilizar, vamos sugerir que você entre em contato conosco e receba uma consultoria gratuita para criação de um e-commerce.

Antes de começar, é importante ter em mente alguns pontos importantes sobre a criação de uma loja virtual:

– Escolha uma plataforma que se adeque às suas necessidades;

– Tenha em mente o público-alvo da sua loja;

– Defina os produtos que você quer vender;

– Crie um bom planejamento e identifique os objetivos da sua loja;

– Pesquise sobre as melhores práticas de vendas online.

As ferramentas mais utilizadas em 2021

Não faria sentido iniciar essa análise sem estarmos bem embasados em relação ao mercado. Analisando as informações divulgadas pelo site BuiltWith, a distribuição entre as plataformas mais utilizadas entre as top 1 milhão do mundo fica da seguinte forma:

  • WooCommerce (28%)
  • Shopify (20%)
  • Magento (8%)
  • Outros (43%)

Como você pode ver, WooCommerce e Shopify juntos tem quase metade do market share comparando entre as lojas virtuais mais acessadas. 

Escolher uma dessas plataformas para criar uma loja virtual pode ser um pouco difícil para um empreendedor. Abordaremos então WooCommerce, Magento e Shopify, que estão na lista das mais utilizadas, e algumas opções brasileiras como Loja Integrada e NuvemShop.

WooCommerce

O WooCommerce está a muito tempo entre as plataformas para criar uma loja virtual, inclusive é uma das mais bem avaliadas, com uma taxa de adoção cada vez maior. A empresa também apresenta e atualiza regularmente novos recursos.

criar uma loja virtual - imagem com site do WooCommerce
WooCommerce é a ferramenta para criar uma loja virtual mais usada em 2021

O grande fator para a popularidade do WooCommerce é o fato de ser um plugin simples e gratuito para WordPress – o CMS é mais utilizado no mundo sendo presente em 43% dos sites na internet. Além disso, a plataforma WooCommerce permite que você dimensione sua loja de comércio eletrônico de forma eficaz e escalável.

O WooCommerce é uma ferramenta gratuita, o que torna uma excelente alternativa para empreendedores que estão começando a vender seus produtos pela internet.

O WooCommerce oferece diversas integrações, como:

  • Correios e transportadoras
  • Gateways de pagamento (Pagseguro, MercadoPago, Stripe, Paypal, entre outros)
  • ERPs (Bling, TinyERP, entre outros)

Se você é um empreendedor que está começando seu negócio e tem tempo para criação de uma loja virtual, o WooCommerce é uma boa opção.

Shopify

Shopify é a terceira maior plataforma de sites de comércio eletrônico em 2022. Ele subiu para o segundo lugar em 2018 e continuou a manter seu domínio.

criar uma loja virtual - imagem com site do Shopify
Shopify divide o topo com o WooCommerce das plataformas mais usadas no mundo

A maioria dos empreendedores de comércio eletrônico está optando pelo Shopify simplesmente por causa de sua interface amigável. A integração dos serviços da Amazon também permitiu que Shopify melhorasse muito sua participação no mercado. 

Com uma variedade de recursos do Shopify disponíveis online, é uma das melhores plataformas de marketing de comércio eletrônico para seus produtos e serviços.

É, no entanto, uma plataforma auto-hospedada (SaaS). Como resultado, muitas pessoas que desejam maior liberdade procuram alternativas do Shopify.

O preço também é considerado alto para comerciantes iniciantes, além do valor ter que ser pago em dólar (ainda não existe transação em real para a plataforma).

Magento

A plataforma de e-commerce Magento teve a segunda maior participação de mercado em 2017, com nove por cento da participação de mercado global de comércio eletrônico. No entanto, em 2018, a situação virou quando perdeu seu domínio para Shopify. Essa lacuna continua a crescer, pois Shopify tem o dobro da taxa de adoção do Magento em 2022.

criar uma loja virtual - imagem com site do Magento Adobe Commerce
Magento foi adquirido pela Adobe e agora se chama Adobe Commerce

Muitos usuários do Magento mudaram para Shopify para uma funcionalidade mais fácil. No entanto, Magento oferece personalização que Shopify não pode fornecer, e é por isso que conseguiu manter sua base de clientes tecnicamente proficiente.

O comércio eletrônico Magento vem com várias ferramentas para análise, monitoramento e otimização de conversão. O Magento suporta arquitetura OOP e MVC, o que é muito bom para desenvolvedores da Web, mas não tanto para os não tão experientes em tecnologia. 

A ferramenta foi adquirida pela Adobe recentemente. Os valores precisam ser avaliados diretamente com uma empresa especializada.

Agora vamos conhecer algumas opções brasileiras:

Loja Integrada

A Loja Integrada tem a maioria dos recursos que uma plataforma para criar uma loja virtual necessita. Assim como as mais famosas no exterior tem recursos para Produtos, integração com gerenciadores de pagamento conhecidos (MercadoPago, Pagseguro, Paghiper e Paypal) além de oferecer algumas opções relacionadas ao Marketing, muito útil atualmente em tempos de redes sociais.

criar uma loja virtual - imagem com site da Loja Integrada
Loja Integrada pode ser uma boa opção para começar as vendas na internet

A plataforma tem um Plano Gratuito que permite a criação de até 50 produtos e tem um limite de 5.000 visitas no mês. Os valores vão aumentando de acordo com o número de visitantes ou recursos adicionais necessários.

NuvemShop

A NuvemShop assim como as demais concorrentes tem todos os recursos necessários para gerenciar uma loja virtual. Um dos diferenciais da NuvemShop é a capacidade de atender pontos físicos (PDV) integrados com a loja virtual e também fornecer integração com marketplaces como Amazon, Americanas e Magazine Luiza. 

criar uma loja virtual - imagem com site da NuvemShop
NuvemShop oferece recursos diferenciados que podem ajudar quem já está em atividade

Diferente das demais ela não tem um plano gratuito disponível. Os valores começam em R$49,90 por mês, mas oferecem 30 dias gratuitos para realizar testes.

Conclusão

As melhores plataformas para criar uma loja virtual variam em preço, recursos e facilidade de uso. É importante escolher uma plataforma que se adeque às suas necessidades e ao seu orçamento.

Você também deve ter em mente o público-alvo da sua loja e os produtos que você quer vender. Além disso, é importante planejar bem a criação da loja e definir os objetivos da mesma.

Por fim, é essencial pesquisar sobre as melhores práticas de vendas online e implementá-las na sua loja.

Caso você esteja interessado em criar uma loja virtual, entre em contato conosco e receba uma consultoria gratuita. Temos expertise em criação de lojas virtuais e podemos ajudá-lo a construir a sua.

Imagem de Capa por Mark König

Fellipe Soares

Graduado em Análise e Desenvolvimentos de Sistemas, ajuda empresas e profissionais liberais na criação de soluções com WordPress desde 2011.

Facebook | Instagram | LinkedIn | Blog

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.